Instalando PostgreSQL no Debian 8

Instale o Debian Jessie no servidor, preferencialmente de uma imagem NET INSTALL, com o mínimo necessário para que o sistema funcione.

Instalação de servidor em Pelotas

Desmarque todas opções, deixando somente “Utilitários standard de sistema” para instalar os pacotes básicos para funcionamento do Debian.

Após a finalização da instalação você terá um sistema operacional enxuto para instalação do PostgreSQL, que mostrarei a seguir:

Instalação do PostgreSQL

1 – Entre no sistema como root e proceda a importação das chaves de instalação:
$wget -q https://www.postgresql.org/media/keys/ACCC4CF8.asc -O – | apt-key add –

2 – Adicione o repositório ao sources list:
$sh -c ‘echo “deb http://apt.postgresql.org/pub/repos/apt/ jessie-pgdg main” >> /etc/apt/sources.list.d/pgdg.list’

3 – Instale o PostgreSQL:
$apt-get update
$apt-get install postgresql postgresql-contrib

4 – Mude a senha do usuário “postgres”
$psql
$\password postgres

That’s it!

WP – Compactar HTML

Esta rotina eu utilizava até hoje no site da PARKEER para compactar o HTML a ser exibido pelo WordPress. Embora não tenha maiores aprimoramentos, funciona muito bem.

function start_ob() {
ob_start('pk_compress_html');
}
function end_ob() {
ob_end_flush();
}

function pk_compress_html($output) {

$search = array(
'/\>[^\S ]+/s',     // strip whitespaces after tags, except space
'/[^\S ]+\</s',     // strip whitespaces before tags, except space
'/(\s)+/s',         // shorten multiple whitespace sequences
'/<!--(.|\s)*?-->/' // Remove HTML comments
);
$replace = array(
'>',
'<',
'\\1',
''
);
$output = preg_replace($search, $replace, $output);

$output = trim($output);
$output = preg_replace('/^[ \t]*[\r\n]+/m', '', $output);
return $output;
}
add_action('get_header', 'start_ob');
add_action('shutdown', 'end_ob', 999);

Linux Mint – Erro na instalação

Durante a instalacao do Linux Mint você pode se deparar com o seguinte erro:

We're sorry; the installer crashed... Bla bla bla...
Traceback (most recent call last):
File "/usr/lib/ubiquity/plugins/ubi-partman.py", line 1293, in on_partition_list_new_activate
self.partman_dialog(devpart, partition)
File "/usr/lib/ubiquity/ubiquity/plugin.py", line 48, in wrapper
return target(self, *args, **kwargs)
File "/usr/lib/ubiquity/plugins/ubi-partman.py", line 956, in partman_dialog
if create and partition['parted']['type'] == 'pri/log':
TypeError: 'NoneType' object is not subscriptable

Deu para entender né? Não? Então olha a mensagem como é…

Para solucionar esse erro, basta que você remova o DMRAID disponível por padrão no livecd, utilize o SUDO e o APT para fazer a remoção deste pacote:

That’s it!

Para conectar na rede Wi-Fi, faça um check-in no Facebook

Uma das coisas que gerenciadores de mídias sociais mais buscam é o alcance social, que nada mais é que o mais puro e perfeito alcance “normal” das publicações, sem grandes intervenções do algoritmo da Facebook.

Imagem publicitária da NSEC Brasil mostra como funciona o sistema: Ao invés de senha para acessar à internet, o roteador pede check-ins na página da empresa no Facebook.

Imagem publicitária da NSEC Brasil mostra como funciona o sistema: Ao invés de senha para acessar à internet, o roteador pede check-ins na página da empresa no Facebook.

 

No Facebook Hackathon de 2012 um grupo de estudantes desenvolveu uma solução maravilhosa utilizando o SDK do Facebook. Tratava-se de um pequeno algoritmo acoplado a um roteador, que quando conectado à ele, ao invés de digitar senha para acessar a internet, ele pede check-ins em uma determinada página do Facebook. Não demorou muito para muitas soluções serem criadas utilizando esta tecnologia, desde complexos hotspots de internet, utilizando servidores Radius, até soluções prontas da Facebook Wi-Fi que também fazem este serviço.

A NSEC é uma das empresas que está habilitada a realizar a instalação e configuração do hotspot da Facebook, atualmente estão atendendo a todo Brasil através do seu site e por telefone, segue os contatos:

Site: www.nsec.com.br

Fone: (53) 3027-2110

 

Instalando o JDK e o JRE no CentOS / Fedora

Vá até uma pasta livre…

$> cd /opt

Download para OS 32 Bits:

$> wget --no-cookies --no-check-certificate --header "Cookie: gpw_e24=http%3A%2F%2Fwww.oracle.com%2F; oraclelicense=accept-securebackup-cookie" "http://download.oracle.com/otn-pub/java/jdk/8u45-b14/jdk-8u45-linux-i586.rpm"
$> wget --no-cookies --no-check-certificate --header "Cookie: gpw_e24=http%3A%2F%2Fwww.oracle.com%2F; oraclelicense=accept-securebackup-cookie" "http://download.oracle.com/otn-pub/java/jdk/8u45-b14/jre-8u45-linux-i586.rpm"

Download para OS 64 Bits:

$> wget --no-cookies --no-check-certificate --header "Cookie: gpw_e24=http%3A%2F%2Fwww.oracle.com%2F; oraclelicense=accept-securebackup-cookie" "http://download.oracle.com/otn-pub/java/jdk/8u45-b14/jdk-8u45-linux-x64.rpm"
$> wget --no-cookies --no-check-certificate --header "Cookie: gpw_e24=http%3A%2F%2Fwww.oracle.com%2F; oraclelicense=accept-securebackup-cookie" "http://download.oracle.com/otn-pub/java/jdk/8u45-b14/jre-8u45-linux-x64.rpm"

Instalação (via RPM) para o OS 32 Bits:

$> rpm -Uvh jdk-8u45-linux-i586.rpm
$> rpm -Uvh jre-8u45-linux-i586.rpm

Instalação (via RPM) para o OS 64 Bits:

$> rpm -Uvh jdk-8u45-linux-x64.rpm
$> rpm -Uvh jre-8u45-linux-x64.rpm

Só correr para o abraço!

$> java -version
$> javac -version